Empreendedorismo materno: 5 dicas pra conciliar trabalho e criação dos filhos

Categorias Maternidade10 comentários
empreendedorismo materno

Empreendedorismo materno, você já ouviu falar sobre isso? Provavelmente sim! Antigamente para cuidar dos filhos e ajudar a complementar a renda da família a mulher costumava oferecer serviços domésticos, como: lavadeira, passadeira, vender algum tipo de alimento, se tinha algum conhecimento específico na grande maioria era costureira ou professora particular e através desses serviços junto com as tarefas de casa e mãe levava a vida pra engrossar o orçamento familiar.

O tempo passou e hoje essas necessidades continuam existindo, as mulheres, porém, desempenham outros trabalhos, mas basicamente a necessidade de cuidado e sustento da família continuam a existir. Um número expressivo de mães não concordam e, ou não conseguem voltar ao mercado de trabalho formal. Muitas delas encontram nessa “rebeldia” uma maneira de reinventar a vida. É lindo ver essas histórias de sucesso, mas triste saber que tudo isso acontece por causa de um mercado de trabalho engessado, sem abertura para um diálogo para encontrar uma boa saída para a empresa, a mulher e o bebê.

É claro que existem mulheres que se realizam sendo mães e Do Lar exclusivamente e não há mal nenhum nisso, há também as que voltam ao mercado de trabalho formal e conseguem criar uma maneira de incluir os filhos na rotina de vida que tinham antes, mas há também as outras mulheres que não conseguem ou não podem (por diversos motivos) voltar ao antigo emprego, outras que não passam da fase da entrevista quando descobrem que ela é mãe e precisam de trabalho por necessidade pessoal, financeira e emocional – vamos ser francas, incluir algo na nossa rotina que não seja cuidar da casa e dos filhos nos faz um bem danado, nos afasta da loucura, hahaha.

empreendedorismo materno

A internet, a valorização do trabalho manual e personalizado, a difusão de informação e conhecimento, tudo hoje proporciona as iniciativas empreendedoras e as mulheres tem agarrado isso de uma forma espetacular, os números mostram que dessas mulheres, 67% se tornaram empreendedoras após a maternidade. Levanta a mão quem assim como eu também faz parte desses 67% , rs.

 

empreendedorismo materno

Separei CINCO dicas para você que é mulher e mãe e deseja empreender e conciliar o trabalho com a criação dos filhos:

1. Crie e siga uma ROTINA com seu filho. Ex: tarefas como refeições, sonecas, banho, atividades escolares precisam ser feitas SEMPRE no mesmo horário, assim seu filho já saberá como será o seu dia e a tendência é que ele aproveite os momentos das brincadeiras para realmente brincar e não te interromper (não romantize, ele vai continuar te chamando muitas vezes, mas tende a ser bem menos se ele não souber o que fará ao longo do dia).

2. 1.  Se você fica com seu filho 24 horas do dia (ele não vai a escola, você não tem diarista, babá, marido, mãe…) pra dividir as tarefas com você, ainda assim eu te digo: COMECE! Separe dois ou três dias na semana para você, no momento da soneca mais longa do seu filho, se dedicar ao seu empreendimento, seja fiel a você mesma e nesses dias e horas esqueça a louça, a casa para arrumar, a roupa para passar e FOQUE no seu negócio. Vai valer a pena!

2.2 Aproveite os momentos que seu filho está na escola ou sendo cuidado por outra pessoa (pai, avós, tios) para FOCAR apenas no seu empreendimento, deixe a louça, os serviços da casa para fazer num outro momento.

3. Aceite AJUDA de outras pessoas, o tempo que você economizará DELEGANDO tal tarefa a essa boa alma pode ser dedicado ao seu negócio.

4. Em caso de home-officie, tenha um LOCAL da sua casa onde você tenha PRIVACIDADE para trabalhar, mesmo que em outro momento do dia esse espaço seja usado por outra pessoa (um quarto, por exemplo).

5. DESCANSE. Não utilize todos os momentos de folga dos filhos para trabalhar, em pelo menos um deles dê prioridade ao silêncio, ao marido, a poder assistir uma série, o ÓCIO é muito bem vindo na vida de uma mãe. Priorize isso!

empreendedorismo materno

Faça uma análise e veja que tipo de mulher é você, se a maternidade está lhe desafiando a mudar de vida e empreender, siga essas dicas e vá em frente – me conte também outras dicas que você considera importante para esse momento – e sucesso!

Ah, respire fundo e não pire, tem dias que o trabalho não rende nadinha, mas bola pra frente… Continue a nadar.

Da aqui um abraço!

Mãe, esposa, cineasta, curiosa e apaixonada pela beleza das coisas.


10 ideias sobre “Empreendedorismo materno: 5 dicas pra conciliar trabalho e criação dos filhos

  1. Adorei! Texto honesto e real mesmo! Quem é mãe, sabe. Confesso que ainda estou vivendo muitos desafios quanto à rotina. Mas é fundamental deixar tudo bem programado. Vou tentar empreender! beijos!

  2. Ótimo texto! Ser mãe é tudo isso é mais um pouco. Essas dicas são muito importantes! Adorei. Bjos.

  3. Excelente texto. Eu, continuo no desafio de empreende! Agora com dois, uma rotina organizada é bem mais difícil. A pequena dorme e o mais velho entra em casa gritando e acorda ela rs. Vários imprevistos. Mas, seguimos. As coisas não precisam correr no tempo que eu gostaria.

    1. Temos mesmo que aceitar que não será como gostaríamos mesmo, Rubinha, parece que nos dias que mais precisamos que o trabalho flua tudo coopera para o contrário acontecer, hehehe. Mas você encontrará seu fluxo e logo vai conseguir empreender. beijos 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *