Ser pai e mãe não é ser amigo!

Ser pai e mãe é diferente de ser amigo dos filhos. É necessário exercer a autoridade que os pais têm sobre os filhos a fim de colocando limites e as crianças cresçam sabendo que a correção é um ato de amor.

A minha geração tem tentado encontrar equilíbrio no que diz respeito a ser pai e mãe hoje. Compreende que a alimentação da criança precisa ser balanceada, que a atividade física é importante, mas que brincar livremente é uma das principais tarefas dos filhos… Estamos sempre na internet buscando compreender como educar os pequenos diante da “fase x” que está chegando ou já estamos enfrentando. Queremos sempre acertar, mesmo sabendo que isso não é possível! Mas pra fazer todas essas coisas temos sido amigos dos nossos filhos e não pais.

ser pai e mãe não é ser amigo

É super normal quando tentamos mudar um hábito ou nossa mentalidade a respeito de algo que por um período vamos para o extremo contrário de onde estávamos antes, até encontrarmos de fato o equilíbrio ou quase ele.

Nossos pais nos deram açúcar e refrigerantes,  nos deixaram muito tempo na frente da TV, nos matriculou em escolas devido a proximidade de casa e não porque tinham a linha de ensino que se identificavam e consideravam melhor… Eles também foram pais tentando acertar sempre!

ser pai e mãe não é ser amigo

Mas os avós de hoje (os nossos pais) na sua grande maioria não eram confundidos como nossos amigos, ainda que o relacionamento em casa fosse harmonioso e diziam na hora de uma conversa que podíamos confiar neles, pois eram nossos amigos… Ainda assim não os víamos como tal, sempre os respeitamos como pais, sabíamos que o tratamento com eles deveria ser diferente: havia respeito, havia temor, havia amor, havia limite, havia beijo, havia correção, havia abraço… Nos sentíamos protegidos por termos um pai e uma mãe dentro de casa e não nossos amigos.

ser pai e mãe não é ser amigo

Na maternidade podemos ver que talvez por compreender um pouco mais sobre o desenvolvimento infantil graças a internet, nós, pais em torno dos 30 anos, temos cometido, ao meu ver, o erro de termos posturas mais próximas de uma amiga que de mãe… Ser pai e mãe não é ser amigo! Você pode se perguntar porque isso não é bom? Eu te respondo:

  • A proteção que as crianças precisam se encontra nos seus pais. Nossos pequenos não nos vêem como vemos a nós mesmos quando nos sentimos incapazes e enfrentar uma dificuldade, para eles nós já sabemos e sempre saberemos como resolver tudo;
  • Para educar um (a) filho (a) é importante estabelecer limites, isso está diretamente ligado ao cidadão (ã), profissional, marido (esposa), amigo (a) que ele (a) será no futuro;
  • Entendendo que é necessário obedecer os pais e as regras que eles ditam em casa, a criança fará o mesmo na escola e na presença de outras pessoas mais velhas;
curso-online

Exercer autoridade não está ligado a corrigir batendo no seu filho ou a “quem manda fala mais alto”. O respeito e diálogo são muito mais eficazes nessa situação! Que tal tentarmos “corrigir” o que nossos pais fizeram conosco e que hoje não é visto como adequado (em relação a alimentação, por exemplo), mas não indo para o extremo de perder o lugar que nos é de direito e na maioria dos casos, nossos pais faziam isso melhor que nós hoje em dia.

Nós temos o papel mais difícil das nossas vidas, então vamos encontrar uma forma de vivê-lo com leveza e equilíbrio, ser pai e mãe somando conhecimento e não abandonando completamente tudo do que se sabia no passado para refazer do zero, isso não é sábio.

BAIXE GRÁTIS NOSSO E-BOOK “CONSTRUINDO UM TRABALHO COM AGENDA FLEXÍVEL” CLIQUE AQUI

Compartilhe esse post

4 comentários em “Ser pai e mãe não é ser amigo!”

  1. Interessante Naty.. Boa dica para as mamães/ pais atuais…
    Em mts casos creio ser tarde d+ pra consertar.

  2. Amei esse vidio.E não podemos perder a postura como país e sermos duros e severos quando necessário.
    .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ebook gratuito

Nathália Machado.

o Conta Pra Elas é como um diário pra que compartilhe com você minhas descobertas, conquistas e dicas.

Últimas postagens