Fases da maternidade: uma reflexão sobre o amadurecimento de todos da família

Ser mãe de dois nos faz ter a sensação em alguns momentos que na segunda vez estamos mais experientes e não será tão difícil assim encarar a maternidade novamente, mas Danilo está crescendo (fará 6 anos no próximo mês) e isso tem me feito sentir um frio na barriga como foi na experiência de ser mãe de primeira viagem. Estou vivendo outras fases da maternidade e isso é maravilhoso num aspecto e assustador em outro… Ser mãe é muita responsa!

Sou mãe que sei aconselhar sobre bebês: falar sobre cólicas, rotinas de sono, alimentação saudável, brincadeiras e introdução alimentar… Mas me vejo nesse momento como uma mãe que está precisando saber responder com mais profundidade as perguntas do meu filho… Aos 6 anos de idade as crianças parecem que descobriram o mundo numa proporção muito maior, que exigem muitos detalhes nas respostas e na maneira de estar presente para eles.

reflexão maternidade

Eu e meu marido temos várias vezes comentado sobre o tamanho do Danilo, vivemos com a sensação que a cada semana ele cresce mais que o normal… Perde-se roupas, calçados, mas principalmente, cresce o seu conhecimento e percepção a respeito do mundo.

Essas novas fases da maternidade me mostram cada vez mais o quanto eu preciso saber como apontar o caminho para os meus filhos. Danilo é um menino de fé, pergunta com frequência sobre Deus, consegue associar a importância de ser cristão em tudo: em manter a cidade limpa, em cuidar do irmão, em não brigar na escola, em cumprimentar as pessoas… É um amadurecimento mais sólido, não sei quais as palavras usar pra conseguir verbalizar esse novo menino aos 6 anos de idade.

Aqui em casa achamos que a alfabetização deve acontecer formalmente no próximo ano, Danilo sabe escrever seu nome, reconhece as letras e números, mas ler e escrever mesmo ainda não sabe… Fico pensando que sem ser alfabetizado ele já tem nos surpreendido com um raciocínio tão rápido e perguntas tão profundas que após descobrir o mundo das letras não sei de que maneira vou me desdobrar pra suprir as próximas necessidades… As fases da maternidade me fazem correr para Deus porque de fato não me sinto capaz de educar uma criança… Deus tem nos ensinado e tem sido tão recompensador perceber o homem de bem que os meninos tem se tornado.

reflexão maternidade

reflexão maternidade

Ver os meninos crescerem me faz pensar na complexidade ainda maior que vamos enfrentar quando a adolescência chegar… Gente, o tempo tem corrido tanto que as vezes tenho a sensação que ela chegará bem mais rápido do que eu possa imaginar… Digo a mim mesma a todo momento que devo me concentrar nas respostas e descobertas para a maternidade de hoje, mas esses pensamentos veem, não posso negar.

A vida é mesmo feita de fases, nesse momento as fases da maternidade é que tem pegado por aqui… Apesar de ressaltar o amadurecimento do Danilo nesse texto, ele fala muito mais sobre mim, Nathália, como mãe do que ele como criança e filho… Tem mais mães no mesmo barco aí? Como é que vocês tem se reinventado vendo seus filhos crescerem?

curso online

BAIXE NOSSO E-BOOK “CONSTRUINDO UM TRABALHO COM AGENDA FLEXÍVEL” CLIQUE AQUI!

Compartilhe esse post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ebook gratuito

Nathália Machado.

o Conta Pra Elas é como um diário pra que compartilhe com você minhas descobertas, conquistas e dicas.

Últimas postagens